Marketing de afiliados

O que é Marketing de Afiliados? Como Funciona o Mercado?

O Marketing de Afiliados é um processo que envolve a promoção de produtos ou serviços através da indicação (ou seja, afiliação) de terceiros.

Basicamente, você indica um produto ou serviço para uma pessoa e, caso ela compre aquele produto ou contrate os serviços através do seu link de afiliado, você recebe uma comissão sobre esse negócio.

Afiliado jivochat

Agora vamos entender um pouco sobre o Marketing de afiliados, os principais personagens, como você pode trabalhar como um afiliado da maneira correta.

Preste muita atenção, porque este artigo pode mudar sua visão a respeito!

O que é marketing de afiliados?

No marketing de afiliados, basicamente você irá promover e apresentar um produto, podendo ele ser digital ou físico.

Por exemplo, você pode se afiliar a produtos físicos como vitaminas, tratamento de cabelos, produtos de beleza, alimentos, entre outros.

NeuroMarketing

Ou produtos digitais como cursos online, plataformas de afiliados, hospedagem de sites, mentorias e muito mais.

Quando outra pessoa realiza uma compra através do seu link ou de sua indicação, você receberá uma comissão por isso.

Talvez essa seja uma das melhores formas de começar um negócio online, já que você não precisará investir nada no início, claro, porém precisará estudar e entender o processo para trabalhar e ter sucesso.

Se você optar por um produto digital, não precisará se preocupar com a entrega, logística e absolutamente nada mais. Somente, terá de trabalhar para que o seu cliente compre por meio de sua indicação.

Evidentemente, isso requer técnica de persuasão e venda, gestão de negócios e uma boa dose de paciência.

Isso porque no início você não verá resultados, porém, com o tempo você verá que vale a pena.

Mas, o interessante é que você não precisará criar nada. Ou seja, não terá de criar o produto, o que significa um passo na frente.

É possível ganhar dinheiro com Marketing de afiliados?

Muitos profissionais da área de marketing conseguem grandes rendimentos usando técnicas de marketing e vendas. Você também pode fazer isso, por meio do Marketing de afiliados.

A grande vantagem de trabalhar como afiliado é que não há necessidade de ter seus próprios produtos e serviços nem tampouco é preciso criar uma marca que seja conhecida no mercado.

Muitas pessoas estão ganhando muito dinheiro em suas campanhas, sem nunca ter tido em suas mãos um produto físico.

Não vamos ser hipócritas e dizer que todos esses que aparecem com vídeos mostrando os seus ganhos estão falando a verdade.

Há um grupo de gurus e experts, que usam a seguinte estratégia. Gravam um vídeo ou vão nas redes sociais e criam uma história bonita de superação, mostram prints de seus ganhos etc.

Então, outras pessoas irão olhar para isso e dizer, ah eu também quero! Daí o famoso guru, vem e te diz: ‘eu tenho o segredo comprovado e revelado’ neste meu curso ou produto digital.

Aí aquele ‘guru’ começa a vender seus cursos como água e, realmente começam a ganhar muito dinheiro.

Deixamos claro, que não concordamos com isso.

Mas, sim, é possível ter um salário ou uma renda indicando produtos afiliados.

Tudo irá depender de sua ética, de sua moral para fazer negócios, de sua dedicação e profissionalismo.

Se você é do tipo que não se importa com os demais, e diz: ‘só quero ganhar meu dinheiro’, certamente irá aceitar qualquer tipo de estratégia para ganhar dinheiro.

Mas, se você preferir dar um passo por vez, irá demorar um pouco mais para ter resultados.

Porém, pode criar um negócio digital bem-estruturado que pode durar por anos e, quem sabe, se tornar a próxima startup bem-sucedida.

Dito isso, seguimos nosso post.

Como funciona o Marketing de afiliados

O Marketing de afiliados é o tipo de marketing que se concentra na promoção e oferta de produtos e serviços de terceiros.

Você não será o criador do produto, porém irá indicá-lo para outras pessoas.

E, se você efetuar vendas por meio dessa indicação terá direito a sua comissão. Nada mais justo, pois você atua quase como um representante comercial.

O afiliado promove tanto produtos físicos quanto produtos digitais. A maioria das pessoas prefere promover produtos digitais, pois julga ser mais fácil de vender.

Porém, isso é um mito já que os produtos físicos também podem ser promovidos e, nesse caso, o responsável por fazer a entrega é o criador/produtor do produto.

Por exemplo, você pode promover os produtos da Amazon, da Shopee, da Magazine Luiza e muitas outras empresas similares.

Evidentemente, para ter sucesso como afiliado é preciso se profissionalizar. Encarar como um negócio.

E, sei que conselho não se dá, mas na minha opinião, os melhores produtos para se afiliar são aqueles em que confiamos.

Portanto, quer ser afiliado de alguma plataforma ou produto?

Faça a lição de casa: pesquise a reputação da empresa, pesquise o produto que você irá indicar e, se possível use pelo menos uma vez, a fim de conhecer a qualidade do produto.

Porque é muito mais fácil você indicar produtos que conhece, que confia, você não acha?

Quem são os principais personagens do marketing de afiliados?

Os principais personagens são: produtor, co-produtor, cliente e afiliado.

Produtor

O Produtor é a pessoa que cria o produto, seja ele físico ou digital. Ele será quem determinará as regras de como funcionará o programa de afiliados.

Alguns produtos podem oferecer comissões que vão desde 10% a 80%.

No momento em que você se afilia no produto, deverá fazer um cadastro e ler todas as regras de divulgação.

Por exemplo, alguns produtores permitem que você divulgue por meio de tráfego pago (Facebook ads, Pinterest ads, Google ads, etc…), porém outros produtores não.

O produtor pode ser uma pessoa física ou uma empresa, como é o caso da centralizze que oferece uma plataforma completa para facilitar a vida de quem é afiliado.

É muito vantajoso para a empresa produtora ter afiliados, pois suas vendas podem aumentar de forma incrível. E, a grande vantagem para essa empresa é o fato de não ter de gastar valores altíssimos em anúncios ou mesmo funcionários.

Coprodutor

Já o coprodutor é uma pessoa que apoia o produtor, dando visibilidade para o seu produto ou alguém que fez parceira com o produtor para criar ou idealizar o produto.

Eles criam juntos o produto e, consequentemente, as regras para o programa de afiliados.

Às vezes, um grava os vídeos e elabora o material ou curso, enquanto o outro se preocupa com a parte comercial ou do divulgação do produto.

Cliente

O Cliente é a pessoa que compra o produto pelo link de afiliado do marketing de afiliados.

Ele é o responsável por gerar a comissão para o afiliado.

Ou seja, sem clientes não há vendas e consequentemente nenhuma comissão para os afiliados.

Afiliado

E por fim temos o afiliado, que é o responsável por realizar as vendas e poderá ser remunerado pelo produtor.

O afiliado é a pessoa que divulga o produto e, consequentemente, indica para as outras pessoas.

Para isso, o afiliado usa diversas estratégias de marketing digital e marketing de conteúdo, com a intenção de atingir o seu objetivo que é realizar as vendas e ganhar dinheiro com isso.

O afiliado busca atrair e convencer os seus leads para eles comprem o produto que oferece.

Existem diversas formas de trabalhar como afiliados, tais como:

  • Blogs
  • Redes sociais
  • Youtube
  • E-mail marketing
  • Anúncios pagos (Google ads, Facebook ads, etc…)
  • SEO (Search Engine Optimization)
  • Dentre outros.

Recomendamos:

Cada um tem a sua forma de trabalhar e conseguir resultados. E é claro que uns trabalham mais do que outros e, consequentemente, tem um retorno financeiro maior.

Benefícios de ser um afiliado

Uma das maiores vantagens em se tornar um afiliado é a possibilidade de dar início ao seu negócio sem arcar com grandes investimentos, pelo menos no início.

Outra grande vantagem é poder trabalhar de qualquer lugar do mundo, bastando ter um computador e uma conexão com a internet.

Além disso, você não precisará se preocupar com a entrega do produto ou mesmo com a logística, uma vez que isso será de responsabilidade do produtor.

Você também terá acesso a diversos produtos para promover, ou seja, você poderá escolher qual é o melhor produto para o seu público-alvo e consequentemente aumentar as suas chances de vendas.

A desvantagem do marketing de afiliados é que você só recebe comissão pelas vendas que realizar, ou seja, você só ganha dinheiro quando alguém comprar o produto pelo seu link de afiliado.

Diferentemente do empreendedorismo tradicional, onde você tem que arcar com todos os custos iniciais e riscos financeiros, no marketing de afiliados você não tem essa preocupação, pois não investe em um produto e sim em divulgação.

Plataformas em que você pode se tornar um afiliado

Se você deseja trabalhar como afiliado, existem diversas plataformas e empresas em que você pode se inscrever e começar a divulgar os produtos.

Algumas dessas plataformas são:

Faça seu cadastro e, realize uma pesquisa em cada uma das plataformas. Veja os produtos que se encaixam com sua proposta de trabalho e opte pela melhor, em sua opinião.

As plataformas de afiliados permitem que você se inscreva gratuitamente e comece a divulgar os produtos.

Você só precisa escolher um produto para promover e criar uma estratégia de marketing para divulgação.

Cada plataforma tem a sua forma de pagamento, ou seja, algumas pagam por CPA (custo por aquisição), outras pagam por CPC (custo por clique) e outras ainda pagam por CPL (custo por lead).

Por isso, é importante que você escolha uma plataforma que ofereça um pagamento compatível com a sua estratégia de marketing.

Leia também:

Como começar no Marketing de afiliados?

Para grande parte das pessoas que ganham dinheiro na internet tudo começa pelo Marketing de afiliados.

Algumas dessas pessoas se foca em criar um produto, outras a divulgar um ou vários produtos na internet. E, acredite, há inúmeras pessoas que fazem do Marketing de afiliados o seu ganha pão.

Ser produtor é algo altamente lucrativo. Embora exija elaborar o material, gravar vídeos, escrever ebooks e muitos outros processos, no final, se colhe os frutos, já que dessa forma se irá gerar uma renda passiva.

Qualquer pessoa pode se cadastrar em uma das plataformas, tais como a Lomadee, a Amazon, a ShareASale e outras e ter o seu link customizado dos produtos que divulga.

Leia o artigo como se tornar afiliado e ganhar dinheiro e faça o seu cadastro agora para dar início ao seu negócio.

O que é renda passiva?

A renda passiva é uma forma de se ganhar dinheiro sem precisar trabalhar por ele. Ou seja, o produtor cria um material, divulga e as pessoas compram.

A partir daí, o produtor não precisa mais fazer nada, ou quase nada. Porque, nunca se pode deixar de criar ‘coisas’ e empreender em novas frentes.

Mas, de uma forma geral, o produtor não precisará se preocupar com a criação do mesmo produto. A não ser que desejar atualizar o produto, algo que acho muito importante.

Pois, para se ter sucesso é preciso oferecer o melhor.

Quanto ganha um afiliado?

Um afiliado ganha por comissão. Logo, quando você estiver se afiliando ao produto deverá ler as condições do produtor.

Alguns produtos digitais dão de 30 a 80% do valor do produto em comissão. É possível ganhar bem realizando vendas.

Já os produtos físicos oferecem uma comissão menor.

Alguns afiliados acham mais fácil vender produtos físicos outros, pelo contrário, preferem oferecer produtos digitais.

Há produtos digitais gravados como cursos online em que você pode vender durante todo ano. E há produtos que fazem lançamentos.

Nesse caso, o produto fecha as vendas e só abre quando irá ocorrer o lançamento do produto.

Assim, é preciso ter diferentes estratégias para ser bem-sucedido nas vendas.

Em resumo, um afiliado pode fazer valores pequenos como R$ 500,00 por mês como também pode atingir valores em torno de R$ 15.000,00 mensais.

Vantagens de ser afiliado

Liberdade de escolha

Existem inúmeras empresas e pessoas que captam afiliados. Portanto, você como afiliado pode escolher em que nicho deseja trabalhar.

Existem nichos conhecidos no meio dos afiliados, que são mais fáceis de atuar, tais como:

  • Nicho de beleza
  • Nicho de afiliados iniciantes
  • Nicho de relacionamento
  • Nicho de emagrecimento

Você pode escolher qualquer um desses nichos para atuar ou ainda escolher outros.

Mas, quanto maior o seu conhecimento sobre o nicho ou o produto, maiores serão as suas chances de sucesso.

Baixo investimento inicial

Para começar a trabalhar como afiliado você não precisa investir muito.

Você pode criar um site ou blog gratuitamente e utilizar as redes sociais para promover os produtos.

Além disso, existem plataformas que não cobram nenhuma taxa para você se cadastrar e começar a divulgar os produtos.

Pode ser feito de sua casa

Por ser um trabalho que pode ser feito online, você não precisa se preocupar com transporte ou outras questões.

Você pode trabalhar de sua casa, do café, da biblioteca ou até mesmo da praia, desde que você tenha um computador ou um celular e conexão com a internet.

Não precisa ter estoque

Um dos principais motivos pelos quais as pessoas escolhem o marketing de afiliados é por não precisar investir em estoque.

Como o produto é enviado diretamente do lojista para o cliente, o afiliado não precisa se preocupar com isso.

Você só precisa divulgar e captar os clientes interessados.

Ganhos escaláveis

Quanto mais você trabalha, mais clientes você capta e, consequentemente, mais dinheiro você ganha.

Por isso, o marketing de afiliados é uma das melhores formas de ganhar dinheiro na internet.

Renda extra ou Trabalho principal

Você pode escolher se deseja trabalhar com o marketing de afiliados como uma renda extra ou se vai fazer dele o seu trabalho principal.

Muitas pessoas começam a atuar nesse mercado part-time, como uma renda extra, e acabam se apaixonando pelo trabalho e passando a fazer dele o seu principal ganha pão.

Outras pessoas, já começam a atuar de forma profissional desde o início.

Passo a Passo para se tornar um afiliado

1) Escolha o Programa de afiliados

Para isso, você pode pesquisar na internet pelos programas mais famosos e de maior destaque no mercado.

Uma dica é pesquisar sobre a reputação da empresa ou do produtor. Se você gosta da área de vendas e marketing, uma ótima opção é o programa da Jivochat.

Outra dica é pesquisar sobre as comissões oferecidas pelos programas.

Existem alguns que oferecem comissões mais altas, mas também exigem um volume maior de vendas. Já outros oferecem comissões menores, mas são mais fáceis de atingir.

Pesquise e escolha o programa que melhor se adequa ao seu perfil.

Faça o seu cadastro e aguarde a aprovação.

2) Escolha os produtos que irá divulgar

Depois da aprovação, você poderá escolher os produtos que irá divulgar.

Algumas plataformas oferecem um catálogo de produtos para você escolher, outras deixam a cargo do afiliado a pesquisa e a escolha dos produtos.

Pesquise sobre o produto, leia as descrições e opiniões de outros afiliados e escolha os produtos que melhor se adequam ao seu público-alvo.

Crie uma lista com os produtos que você escolheu e organize-os para divulgação. Faça uma pesquisa minusciosa no google ou outros buscadores para ver a opinião das pessoas a respeito do produto que você pretende divulgar.

Veja se o produto é bom, se é confiável, se existe busca pelo nome do produto (isso pode demonstrar que há interesse pelo produto).

Lembre-se que você não precisa divulgar todos os produtos da lista de uma só vez.

Você pode ir divulgando aos poucos, conforme for ganhando experiência e conhecimento sobre o mercado.

Uma dica importante é: escolha sempre divulgar produtos que você usaria, gostaria ou indicaria para um amigo.

Isso fará com que sua divulgação seja mais natural e sincera, o que geralmente resulta em vendas.

Você não precisa divulgar somente produtos físicos.

Existem diversos tipos de produtos: produtos digitais, serviços, cursos online, entre outros.

3) Fale para a sua audiência sobre o seu produto

Após escolher os produtos, é hora de começar a divulgação.

Você pode usar diversas ferramentas para isso, como blog, site, redes sociais, e-mail marketing e outras.

Uma dica importante aqui é: faça uma boa pesquisa de palavras-chave antes de começar a escrever ou falar sobre o produto.

Isso vai ajudar as pessoas que estão buscando pelo produto a encontrarem o seu conteúdo.

Também é importante que você saiba quem é o seu público-alvo e fale diretamente para ele.

Use a linguagem adequada, aborde os problemas do seu público e mostre como o produto pode ajudar a resolver esses problemas.

Faça uma boa apresentação do produto, mostrando todas as suas vantagens e diferenciais.

Você também pode usar depoimentos de outros clientes para aumentar a credibilidade do produto.

Outra dica importante é: não se esqueça de colocar o link afiliado na sua divulgação.

Isso vai direcionar as pessoas para o site do produto.

Existem diversas formas de divulgar os seus links. Não cometa o erro de somente copiar seus links e sair colando em qualquer lugar.

Lembre-se, a concorrência é grande, portanto é preciso um pouco mais do que somente copiar e colar para efetuar suas vendas.

E-mail marketing

Um dos pilares da estrutura do seu negócio digital, quer seja como afiliado, quer seja como produtor de produtos digitais é, sem dúvida, o e-mail marketing.

Você já deve ter ouvido falar na expressão ‘o dinheiro está na lista’. Se não ouviu, tentarei esclarecer um pouco a respeito.

Quem trabalha com marketing digital ou marketing de afiliados sabe do poder que tem um e-mail bem escrito e para as pessoas certas.

Afinal de contas, a maioria das pessoas leem ou consultam seu e-mail diversas vezes ao dia ou algumas vezes por semana.

Usando técnicas de Copywriting e redação criativa é possível realizar diversas vendas como afiliado.

O sistema funciona da seguinte forma: você afiliado oferece algo de valor para as pessoas, algo que as atraia e responda alguma dúvida como, por exemplo, um ebook, em troca do e-mail do seu potencial lead.

Dessa forma, você irá construindo uma lista de e-mails.

Assim, toda vez que desejar promover um determinado produto ou serviço irá escrever um e-mail interessante com um CTA (botão) convidando a realizar a compra.

Você pode também usar algumas ferramentas que ajudam a automatizar alguns e-mails de resposta.

Algumas das ferramentas disponível no mercado para isso são:

– E-goi

– Active Campaing

Leadlovers

Systeme.io

– Mailerlite

O e-mail marketing é um meio um tanto antigo, porém muito efetivo para ganhar dinheiro como afiliado.

Então, você pergunta como coletar e-mails? É preciso ter blog?

Depende.

Você pode criar um blog e usá-lo para coletar esses e-mails. Mas, também pode optar por ter uma rede social e coletar ali.

Pode ter um canal no Youtube e aproveitar para colocar um formulário para coleta de e-mails.

Lembre-se um método não invalida o outro. Porém, é importante que você comece a fazer isso passo a passo para não ter problemas de gestão.

Seja inteligente. Conecte tudo, ou seja, rede social A com rede social B, com blog, com Canal no Youtube.

Review de produtos

Falamos da possibilidade de criar um canal no Youtube como forma de divulgação dos seus produtos como afiliado.

O canal do Youtube pode ser simplesmente um canal com Review de produtos.

Por exemplo, se você está divulgando um curso sobre o tráfego pago, pode mostrar para a sua audiência como é por dentro do curso, quais as vantagens e desvantagens, que transformação o curso causou em sua vida etc.

Também pode escrever um blog de reviews, da mesma forma, mostrar como usar o produto que você está vendendo.

Conclusão

Marketing de afiliados é uma ótima forma de ganhar dinheiro online.

Você pode fazer isso part-time ou profissionalmente, e ainda ter a liberdade de trabalhar de onde quiser, basta ter um computador e acesso à internet.

Para se tornar um afiliado, basta escolher um programa, cadastrar-se e começar a divulgar os produtos.

Escolha os produtos cuidadosamente, pesquise bem sobre eles e faça uma boa divulgação.

Siga as dicas deste post e você terá mais chances de sucesso nesse mercado.

Espero que tenha gostado do post. Até a próxima!

Systeme.io

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.