controle financeiro pessoal

Saiba tudo sobre controle financeiro pessoal

O controle financeiro pessoal é algo imprescindível na vida das pessoas, pois permite que elas possam acompanhar mais de perto as entradas e as saídas da sua conta, o que conta muito para uma melhor saúde financeira.

Hoje em dia, você encontra diferentes opções para ter um maior controle das suas finanças.

Afiliado jivochat

Podemos citar o uso de aplicativos específicos que lhe deixam atualizados sobre seus gastos e seus hábitos de consumo, por exemplo.

Apesar de que para muitas pessoas ter um controle financeiro pessoal pareça algo muito complexo, usando as ferramentas certas e com uma excelente organização é possível acompanhar tudo de maneira simples e ter ótimos resultados.

Quer saber tudo sobre o assunto?

Então vamos lá!

Controle financeiro pessoal: o que envolve

Quando falamos sobre o controle financeiro pessoal, há alguns conceitos importantes que você precisa estar sempre atento.

O controle de entradas e saídas de dinheiro exige que você lance mão de algumas demandas, tais como mapear todas as suas despesas, descrever as suas fontes de receitas, os seus investimentos, entre outros.

Veja a seguir um pouco mais sobre os conceitos mais importantes para que você consiga ter um controle bastante exato a respeito do seu dinheiro:

  • Despesas: quando nos referimos às despesas, elas incluem tudo aquilo que vier a sair da sua conta, como gastos de consumo, de alimentação, impostos, mensalidades de educação ou planos de saúde, e todo pagamento de forma geral.
  • Receitas: elas são tudo aquilo que entra em sua conta, como seu salário, as rendas extras, as comissões, etc.
  • Investimentos: eles são todos os valores retirados da sua conta para colocar em aplicações, como poupança, ativos de renda fixa ou de renda variável, entre outros.
  • Compromissos financeiros: para finalizar, esse conceito refere-se a tudo o que você precisa pagar sem deixar para depois, tais como as parcelas do seu cartão, de empréstimos ou de financiamentos, por exemplo.

Por que é tão importante ter um bom controle financeiro pessoal?

Muitas pessoas costumam questionar-se sobre o porquê de ser importante realizar o controle das suas finanças pessoais, apesar de ser algo bem simples.

Um dos motivos principais para isso é que você terá uma maior segurança contra a aquisição de dívidas que não poderá pagar.

Quando você começa a visualizar melhor os seus gastos, então fica bem mais fácil entender quando é necessário reduzir as despesas e o momento em que pode aumentá-las.

As pessoas que não controlam as suas próprias finanças possuem um enorme risco de cair em dívidas e hoje uma grande fatia das famílias brasileiras encontra-se com esse problema.

Há duas medidas principais que você deverá tomar para evitar o endividamento e que devem ser aplicadas em sua rotina diária.

A primeira delas é fazer a identificação dos seus rendimentos e de quais são os seus gastos, para assim saber quanto é que poderá gastar mensalmente, se você receberá rendimentos extras durante o ano, etc.

Você pode gostar de:

Tudo isso vai poder lhe proporcionar uma maior noção em termos de longo prazo, ao invés de focar apenas no momento atual.

Após isso, o próximo passo é registrar todas as suas despesas mensais, tanto as fixas e as variáveis quanto aquelas que são esporádicas.

Essa medida vai permitir que você veja de maneira geral quais os seus gastos e assim possa definir qual o seu custo de vida e, além disso, que seja possível encontrar possíveis despesas que podem ser cortadas.

Ao perceber que o seu dinheiro tem sido gasto com muitas compras bem superficiais, você poderá cortá-los e assim economizar mais, obtendo um maior controle das finanças.

A outra medida é a criação do seu planejamento estratégico, que deve contar com ações que vão ser colocadas em prática para alcançar melhor os seus objetivos, como comprar seu imóvel ou fazer uma viagem ao exterior.

Dicas de como fazer um bom controle financeiro pessoal

Ao se falar sobre controle financeiro, é comum que as pessoas já pensem em fazer anotações em cadernos ou agendas, ou mesmo em um bloco de notas, algo que era clássico no passado.

Entretanto, nos dias atuais isso não é mais necessário, visto que temos hoje muitas ferramentas disponíveis, como planilhas e aplicativos.

Isso é apenas uma das dicas que você verá aqui sobre como fazer um ótimo controle das suas finanças pessoais.

Vamos lá!

Entender seu custo de vida é essencial

A compreensão sobre o seu custo de vida é um passo imprescindível para um bom controle financeiro pessoal, por isso você deve listar todos os gastos fixos que possui, ainda que eles variem um pouco mês a mês.

Os gastos fixos mais comuns são aluguel, internet, água, luz e, em alguns casos, o telefone ou gastos com créditos, por exemplo.

Quando você coloca tudo isso no papel, qual é o seu gasto médio mensal? O valor encontrado é, então, o custo de vida que você possui.

A partir daí, você já sabe qual a parte da renda mensal que é comprometida e o que sobra para arcar com os custos variáveis, para fazer a sua reserva financeira ou realizar investimentos.

Divida os seus gastos por categorias ou tipos

Uma outra dica importante para você conseguir obter um maior controle financeiro pessoal é dividir os seus gastos, colocando-os em categorias ou tipos.

Assim, ficará muito mais fácil que você consiga ver os gastos que são supérfluos e também para onde o seu dinheiro mais está sendo direcionado.

Algumas categorias que você pode utilizar para separar seus gastos são:

  • Gastos com moradia
  • Gastos com TV ou Internet
  • Gastos com Supermercado
  • Gastos com transporte
  • Gastos com saúde
  • Gastos com lazer

Além de estipular quanto está indo para cada categoria, você ainda deve identificar a % da sua renda que vai para esses tipos de gastos para ter um melhor parâmetro.

Veja onde você consegue economizar

Ao separar os seus gastos mensais por categoria, então ficará bem mais fácil que você entenda onde está gastando mais e, principalmente, onde vai poder economizar.

Você poderá perceber que está gastando muito com os aplicativos de transporte, com passagens ou gasolina, comendo fora de casa todo dia, etc.

É aqui que você deve avaliar e tomar as decisões de acordo com as possibilidades que possui, ou seja, saber se é realmente necessário ter tantos gastos com transporte ou se é melhor levar sua comida de casa para o trabalho.

A dica é que você estipule metas e objetivos para o seu futuro, o que lhe dará mais motivação para cortar esses gastos que são desnecessários tendo em vista economizar dinheiro com sua reserva de emergência ou investimentos.

Use aplicativos para auxiliar no controle financeiro

Como dito anteriormente, antes as pessoas faziam seu controle financeiro via anotações em cadernos ou agendas, tudo manualmente, mas isso mudou.

Atualmente, existem os aplicativos bem específicos para controlar os seus gastos, de modo que você possa registrar mais facilmente os gastos diários a qualquer momento.

Isso garante que você jamais irá esquecer algum gasto, o que poderá afetar bastante o seu controle financeiro.

Essas ferramentas, portanto, são bastante imprescindíveis e aqui vão algumas dicas de bons apps para você usar:

  • Meu Dinheiro: esse é um app que está disponível tanto para celular quanto para a web, sendo uma ferramenta que permite a você realizar uma análise completa a respeito das suas finanças, como controlar seu saldo, gerir o cartão de crédito e registrar os seus gastos com todos os itens.

É um diferencial dele também permitir que você possa definir quais são seus objetivos financeiros no médio e no longo prazo, para visualizar melhor as suas metas

  • GuiaBolso: é um dos mais famosos e completos app para controle financeiro pessoal, lhe permitindo organizar todas as suas despesas facilmente por categorias e ele ainda pode ser integrado com os diversos bancos do Brasil.

Você poderá cadastrar todas as suas contas e também os seus cartões, e o próprio sistema irá identificar seu extrato, interpretando os seus gastos e os categorizando de forma automática

  • Mobills: esse é um app que fica disponível para celular e também para web, com o uso dessa plataforma, você vai poder categorizar os seus rendimentos e as suas despesas, terá um maior acesso aos gráficos e aos relatórios de maneira personalizada, e ainda vai poder definir quais são suas metas.

Além de ser fácil de navegar, essa plataforma ainda conta com o armazenamento dos dados em nuvem

Conclusão

Como você viu, é importante ter um bom controle sobre as suas finanças pessoais, algo que a maioria das pessoas ainda não possui, além de que poucas sabem como fazer.

Neste texto, você conheceu mais sobre como fazer para ter um importante controle financeiro através de dicas simples e muito eficientes, tais como usar aplicativos para acompanhar todos os seus gastos e conhecê-los melhor.

Assim, você terá uma maior proteção e segurança da sua saúde financeira, principalmente no longo prazo.

Gostou do artigo de hoje sobre saiba tudo a respeito do controle financeiro pessoal?

Então, compartilhe em suas redes sociais!

Systeme.io

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.